APOIO
corpoemrisco_felipegabriel

No próximo sábado, dia 23/9, às 17h, ocorrerá a edição aberta ao público do espetáculo de dança Corpo em Risco, no Red Bull Station. O evento é resultado do encontro de 33 pessoas de diferentes realidades socioeconômicas e culturais, que foram selecionadas para viver uma imersão de cinco dias a fim de criarem juntas um espetáculo inédito. A concepção do projeto é do bailarino, coreógrafo e diretor Rubens Oliveira, atualmente coreógrafo da Gumboot Dance Brasil e um dos selecionados da segunda edição do programa Red Bull Amaphiko Academy.

A ideia de Corpo em Risco é propor o encontro com o diferente, o estranho, o incomum e, a partir daí, descobrir mais sobre nós mesmos. Ao longo de 15 anos de carreira, Rubens percebeu o quanto fragilidades, dúvidas, erros e acertos passam pelo corpo e se tornam parte dele. No palco, muitas dessas marcas serão exibidas em uma coreografia trabalhada ao som de uma trilha sonora inédita executada ao vivo. A concepção musical é dos músicos João Taubkin (baixo), Kabé Pinheiro (percussão) e Rodrigo Bragança (guitarra).

Os participantes de Corpo em Risco receberam diversos estímulos para trazer à tona suas próprias histórias e outras que foram observadas ao longo do processo de criação. Um dos selecionados, o mineiro Lucas Alves Martins, sempre gostou de dançar, mas devido a um contexto familiar rígido, nunca havia tido nenhuma experiência na área. “Eu fui obrigado a direcionar toda a minha energia aos estudos”, conta o engenheiro eletricista. Graças ao projeto, agora está resgatando uma paixão que há muitos anos não tinha mais contato.

Diferentemente de Lucas, Bruna do Carmo de Oliveira sempre adorou dançar e nunca esteve distante do gênero. Atualmente, a pedagoga e arte-educadora trabalha com a reinserção social de crianças refugiadas e agora vê na experiência da experimentação o seu corpo também em risco. De uma forma ou de outra, os participantes transformaram suas histórias em movimentos potentes que transcendem quaisquer tipos de barreiras. Agora convidam o público para também se arriscarem junto a eles.